Fissura

Do nada surge uma vontade absurda de abandonar velhos hábitos…

Nada demais se não fosse a fissura do vício que já mostra suas garras, antes mesmo do início da abstinência de nicotina.

Vou tentar mais uma vez largar o que inadvertidamente chamam de “hábito”, este vício maldito que num lapso de inteligência adquiri em plena adolescência.

Convenhamos que venho da geração Highlander – oh somos imortais! Quem dera!

Fato é que agora, além de saber-me mortal, passei a ficar incomodada com várias questões limitantes deste VÍCIO, e desde já conto com a colaboração de todos, inclusive a minha para me suportar nesta batalha que terá início amanhã.

Prenuncio do que vem pela frente… já estou bastante irritada, ansiosa e muito muito agitada.

Se desta vez vou conseguir, não sei, mas vou fazer tudo para aguentar firme.

Deus me dê força!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s